Em tempos de crise, aposte no marketing de baixo custo

puzzleEstamos vivendo dias difíceis, a cada dia recebemos notícias de Restaurantes encerrando as operações. O ano de 2015 tende a ser um dos mais turbulentos dos últimos tempos. Custos em alta, insegurança política, crise de confiança do consumidor, crédito escasso.

Nessa hora, uma boa saída é manter os pés no chão e direcionar o investimento em marketing para ações de baixo (ou nenhum) custo, aumentar a lucratividade e brigar por cada novo cliente. Sua empresa precisa aparecer, pois com o tempo os consumidores vão se acostumando com esse novo modo de viver e vão retomando os antigos hábitos. Essa é uma boa hora para exercitar a criatividade e criar saídas, sem comprometer o seu caixa.

Antes de mais nada, entenda que marketing não é publicidade! Marketing é um conjunto de práticas que deve facilitar as trocas no mercado. O marketing precisa tomar conta de diversos aspectos. Lembra dos 4Ps do Marketing(Preço, praça, produto e promoção)? No ramo de serviços esse composto de marketing ganhou mais 3 Ps (Pessoas, processos e palpabilidade). As ações de promoção precisam estar alinhadas com esses 7 Ps.

Mas deixemos essas teorias de lados e vamos para a prática. Use essas simples ações de promoção para começar  a mudar a história do seu negócio:

  1. Foque nos seus pontos fortes: VocÊ já fez a análise dos seus pontos fortes, fracos, oportunidades e ameaças? Use sempre seus pontos fortes na promoção. E-mail, facebook, divulgações internas, etc. Mas lembre-se: Pontos fortes que valem a pena serem divulgados são os que trazem o seu diferencial! bom atendimento, cortesia, ambiente limpo, isso não te diferencia dos concorrentes pois é uma obrigação! Gosto de usar  o exemplo do Santoregano (www.santoregano.com.br) Eles costumam publicar em suas comunicações a frase: “Somos a 7ª melhor pizzaria do Brasil”
  2. Use as redes Sociais: Hoje é possível criar campanhas e direcionar exatamente para  o seu público. Escolher pra quem o anúncio será mostrado, selecionando a cidade, idade, escolaridade, etc. Além disso crie campanhas para aumentar o engajamento com sua página de facebook (se ainda não tem uma fanpage, crie uma agora). Com um pouco de conhecimento em informática da pra criar uma fanpage no face. Mas lembre-se, a fanpage vai ser a cara da sua marca para muita gente, invista um pouco na sua criação e administração.
  3. Use seus ativos! Ativos é tudo aquilo que gera valor no seu  negócio. Restaurantes tem um grande ativo pouco explorado, seus fãs. Isso mesmo,  talvez você não tenha se dado conta mas existem clientes que atravessam a cidade pra provar a sua pizza ou seu sushi. Use isso ao seu favor, marque cliente em postagens no facebook (sempre com autorização deles claro). Grave testemunhos deles falando do que gostam no seu estabelecimento. É grátis e tem um resultado ótimo. A rede de relacionamento do seu cliente tende a dar importância ao que um amigo independente fala.
  4. Fale com as pessoas chaves. Tome proveito da blindagem e fale com as pessoas certas que podem trazer clientes para você. Vou dar 3 exemplos de pessoas que podem alavancar suas vendas! Porteiros, motoristas de táxi e concierges. Se vocÊ mora em uma cidade que recebe muitos turistas ( recreacionais, ou turistas de negócios e eventos). Procure as cooperativas de táxis e pague comissão para cada cliente que o táxista levar para seu estabelecimento. Ao mesmo tempo peça para deixar seus panfletos no táxi para pedidos via delivery.
  5. Use o telemarketing ativo. Mas atenção, apenas com os seus já clientes. Telefone para clientes, mande SMS em Massa. Recentemente criamos uma campanha para um delivery através de um sms em massa. Enviamos 200 SMSs na hora de um jogo de futebol, na quarta a noite ( Filtramos apenas homens) com  a seguinte mensagem: “Pizzaria X. Futebol combina com uma boa pizza. Quer pedir agora? responda sim a essa mensagem. Peça e ganhe uma cerveja“. Rapidamente recebemos 20 “sim” de retorno no celular, as atendentes ligavam e faziam a venda.

Seja criativo,

quer compartilhar alguma idéia com a comunidade? use  o campo de comentário abaixo:

Comentários

comentários